Saiba tudo sobre a Hemofilia Congênita- Raras com ciência

Hemofilia Congênita

Apoio:
Doença

Andrea Garcia

Todos os palestrantes do Raras Com Ciência participaram de forma totalmente voluntária.

O que é Hemofilia Congênita?

Saber mais sobre as Hemofilias Congênitas é o primeiro passo para tratarmos da doença. A cada ano o número de pacientes aumenta, pois os tratamentos avançaram e os pacientes vivem muito mais do que nas décadas passadas. Segundo a Federação Mundial de Hemofilia (ano base 2020), no mundo existem aproximadamente 209.500 pacientes, sendo que 13.149 estão no Brasil.

O que ocorre com o paciente de hemofilia congênita?

O paciente portador de Hemofilia Congênita, apresenta ausência de algum dos fatores responsáveis pela formação do coágulo de fibrina, que faz com que paremos de sangrar, quando nos machucamos e rompemos algum vaso.

Quais são os tipos de Hemofilia Congênita?

Quando há ausência do fator 8, a Hemofilia é tipo A. Quando há ausência do fator 9, a Hemofilia é tipo B. (continua no vídeo)

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Conteúdo da sanfona
Assista ao vídeo para conhecer o conteúdo completo.

Assistiu todo o conteúdo e ainda tem dúvida?

Por favor, faça a sua inscrição gratuita e 
tenha acesso a todo o conteúdo que preparamos para ajudar você a seguir sua jornada com mais confiança.

Todos os nossos conteúdos são em vídeos disponíveis para assistir na hora que escolher e voltar quantas vezes quiser.

Já é inscrito? Então entre aqui.